Depois de muito tempo, um monte de pessoas já passaram pela minha vida.
E agora eu realmente começo a ficar preocupado. Pois descobri estes dias que o ápice de vida de um humano macho é 27 anos. Depois dos 27 anos você começa a morrer.
Então, estou morrendo.

Estou morrendo e nada do que tem passado em minha vida tem feito algum sentido. Sempre falo em fazer a diferença, em deixar o meu legado. Mas ultimamente tenho deixado a vida um pouco de lado.
Antigamente, aqui mesmo, eu dizia que tinha uma vida boa salpicada de momentos tristes. Isso eu já nem sei se é verdade.

Pode parecer a mesma bobagem, e tem uma galera que se incomoda ao ver o outro reclamando. Ainda mais no meu caso. Que tenho uma vida ótima, dependendo do ponto de vista.

Eu nem ligo, pois o que escrevo não é para reclamar, é para desabafar, comigo… só pra mim. Como não tenho nada a esconder coloco aqui, publico, para quem quiser.

Eu estou realmente mal.

Não tenho mais nada, e não tenho mais ninguém. Até tento, vira e mexe, conquistar uma risada aqui ou ali, mas acho que o promissor EU que havia aqui, simplesmente cansou de esperar.

Fico triste com isso, o que me deixa ainda pior.

Estou morrendo.

Estou morrendo e ainda não tenho nada que me deixa realmente feliz.

Estou morrendo e ainda não fiz nada que realmente me deixa orgulhoso.

Estou morrendo e ainda não entrei nem de perto uma pessoa pra me fazer feliz.

Estou morrendo.